Personagens de Campinas

Imagem

 

Cargos e profissões

Dr. Heitor Penteado – Foi eleito para o cargo de prefeito municipal, em 1910, por um período de três anos. Graduou-se em 190 na cidade de S. Paulo, em Direito, e foi logo nomeado promotor público de Campinas, donde é nasceu, cargo que desempenhou por oito anos. Até 1910 foi juiz, exercendo também particularmente a sua profissão. O Dr. Penteado possuiu magníficas plantações de café em Jaú.

Dr. Antônio Álvares Lobo – Natural da cidade de Itu, filho do Maestro Elias Álvares Lobo, o primeiro brasileiro que compôs trabalhos para a cena lírica. Foi advogado de grande renome e político reconhecido pelo seu zelo, influência e ilibadês. Formou-se em Direito-Ciências Sociais e Jurídicas em 1884, pela Academia de S. Paulo, fixou residência aqui, iniciando sua carreira de advogado com o Senador, Gal. Francisco Glycério.

Foi advogado da Companhia Mogyana de Estradas de Ferro, da C.C. de Águas e Esgottos, deputado dos mais ilustres ao Congresso de S. Paulo em diversas legislaturas, presidente da edilidade, da Associação Theatro S. Carlos, da conferência São Vicente de Paula, mordomo da Santa Casa de Misericórdia. Influente e real prestígio no seu distrito era acatado pela sua capacidade e sabedoria na administração. Campinas deve-lhe os mais assinalados serviços, tendo estado à testa do governo local na quadra das epidemias e dirigido as obras de saneamento que fazem hoje desta bela cidade paulista um centro de grande atividade e o mais higiênico e salubre dos seus municípios.

Dr. José Rios Rebouças – Teve uma grande clientela, como engenheiro civil, e foi incumbido de inúmeros contratos para construção de pontes, estradas e obras sanitárias. Trabalhou na Estrada de Ferro Mogyana e como engenheiro chefe da repartição das obras municipais. Nasceu em Piracicaba, no ano de 1866, estudou no Rio de Janeiro, graduando-se depois na Escola Politécnica de S. Paulo.

Dr. Alberto Ribeiro – Graduou-se cirurgião-dentista, na Universidade de Pennsylvania em 1898, voltando depois para a sua cidade natal, Campinas, onde revalidou o seu título e tem exercido sua profissão com muito sucesso.

Dr. Clemente de Toffoli – Nasceu na Itália, tendo recebido sua educação nas cidades de Pádua, Viena e Paris. Graduou-se na Universidade de Pádua em 1894, e na Europa praticou sua profissão por dois anos. Veio então para o Brasil, tendo clinicado em São Roque e em Sorocaba antes de estabelecer-se definitivamente aqui em Campinas. Desde essa ocasião, visitou a Europa por duas vezes com o fim de assistir a conferências médicas. O Dr. Toffoli era proprietário, sendo que também foi possuidor de inúmeras ações de bancos e estradas de ferro.

Dr. Francisco Betim Paes Leme – Foi médico da Sociedade Paulista e da Estrada de Ferro Itapura-Corumbá, Mato Grosso. Depois de formar-se na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 1882, ele uniu-se à comissão da Estrada de Ferro Mamoré, tendo sido também Delegado de Higiene e diretor do Jardim Botânico até 1889. Pelos cinco anos seguintes, ele viveu de sua clínica, aceitando depois os cargos atuais. Passa a maior parte do tempo em Corumbá.

Alberto de Cerqueira Lima – É o mais velho de três irmãos e uma irmã, filho do Sr. João de Cerqueira Lima e da Sra. Constança Calmon de Cerqueira Lima, da Bahia. Nasceu em 1870, na fazenda de seu pai, perto de Santo Amaro, na Bahia, e depois de algum tempo de estudos primários e de Humanidades foi enviado em 1882 para a Inglaterra, como na sua mocidade o foram seu pai e seu avô, e ali passou o melhor do seu tempo de estudante no Collegio St. Bade, Alexandra Park, Manchester.

Depois de alguns meses na Alemanha, matriculou-se no Collegio Owen da Universidade Victoria de Manchester em 1887, onde, guiado pelo distinto professor Osborne Reynolds, lente da Faculdade de Engenharia, fez o seu curso de engenheiro. Tendo acabado os estudos em 1891, voltou ao Brasil e empregou-se na Estrada de Ferro Moguana. Entre 1891 e 1893 desempenhou encargos técnicos e procedeu a estudos de campo para o prolongamento da linha e sua extensão ao porto de Santos.

Em 1894, o Dr. Cerqueira Lima, foi para o interior, onde se casou, e, fundando um engenho de açúcar de sociedade com seu sogro, trabalhou na fazenda como engenheiro, agricultor e criador. Ao mesmo tempo, procedeu a estudos para a construção de uma estrada e linha de bondes como subsidiária das estradas de ferro. As suas idéias eram tidas por demasiado adiantadas para aqueles que o cercavam; não obstante, obteve favores municipais para várias estradas. Em outubro de 1908, foi convidado para ocupar a vaga do cargo de superintendente auxiliar da Força Motriz, em que o encontramos na Estrada Mogyana aqui.

Foi homem decididamente inglês nos seus gostos e suas idéias e depois de tantos anos ainda acaricia as agradáveis recordações da vida inglesa e da sociedade que ele parece ter gozado e conhecido bem. Os seus conhecimentos eram vastos e o seu espírit cosmopolita, embora era amante e respeitador da tradição e da disciplina. O efeito de uma educação inglesa em temperamento latino foi a sobriedade daquele elemento. Era um homem progressista, acessível às novas idéias, querendo ouvir e considerar a opinião de outras pessoas, e tendo uma ideia exata da liberdade prática que ele muito admirava no caráter inglês.

Coriolano Gomes de Mattos – Era o superintendente chefe do tráfego da Estrada de Ferro Mogyana. Nascido em 1876, em Pernambuco, ali estudou e mais tarde em Paris e Rio de Janeiro. Na Escola Politécnica, da última cidade graduou-se ele, em Engenharia, em 1897. Então, uniu-se à Brazilian Contractors Corporation Ltda., e com eles trabalhou no Rio e Santos, até ligar-se à Companhia dos Açudes de Quixadá, no Ceará, posição que resignou para aceitar o seu cargo atual.

Francisco Calabrez – Era eletricista da Companhia de Tração, Luz e Força, em serviço da qual tinha sido muitas vezes incumbido de trabalhos de construção. Era de descendência italiana e no Rio de Janeiro adquiriu grande prática como eletricista, tendo sido empregado por muitos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s