Carnaval nos primórdios

A reunião dos foliões se dava no Largo da Santa Cruz, onde partiam percorrendo  as Ruas da Ponte (Major Sólon), do Comércio (Dr. Quirino), São Carlos (Av. Moraes Salles), Direita (Barão de Jaguara), Barreto Leme e, assim sucessivamente, acompanhados de Banda Musicais, fazendo ponto final do Theatro São Carlos, na Rua Da Constituição (Costa Aguiar) X São José (Treze de Maio), onde promoviam ruidosos bailes a fantasias.

 

Era uso anunciar o Carnaval com antecedência. Tinham famas as festas carnavalescas de Campinas. Das comarcas vizinhas de São Paulo e da própria Corte afluíam, em grande escala, os apreciadores do “Momo”, atraídos pela justa fama e riqueza dos préstito.

Dos Grupos imponentes estavam os Beduínos” e dos “Zuavos”Fantasiavam-se de Beduínos os sócios do Clube Semanal da Cultura Artística, em bela cavalaria, composta de impetuoso cavalos brancos, brilhante e vistosos. Os que cingiam o característico traje dos Zuavos eram os sócios dos Clube União e Progresso.

Estas dois clube citados tinham tais folguedos de um brilho e entusiamos fora do imaginável.

 

Grupo dos Zuavos, no carnaval de 1870, vendo-se, ao fundo, a Cadeia Velha, demolida erigindo no local o Monumento-túmulo de Carlos Gomes.  Extraído do livro
Grupo dos Zuavos, no carnaval de 1870, vendo-se, ao fundo, a Cadeia Velha, demolida erigindo no local o Monumento-túmulo de Carlos Gomes.
Extraído do livro “Efemérides Campineiras – 1739 – 1960”, José de Castro Mendes.

Houve um concurso de cinco excelentes bandas musicais. Eram elas: Banda de Sant’Anna Gomes; Banda Romana, de Joaquim Romão; Santa Cruz; Philarmônica e Euterpe Infantil.      A Euterpe Infantil, apresentou no coreto belamente ornamentado.  A Philarmônica, em um pavilhão, no Largo do Rosário, também caprichosamente enfeitado, junto à residência de Elisiário de Camargo Penteado. Já as de Sant’Anna Gomes e Joaquim Romão, em um linda cavalgada pelas ruas em cortejo. Quanto à de Santa Cruz, exibiu-se em um landau.

De toda a rapaziada foliona, os mais ousados eram os irmãos: Antônio e Pedro de Araújo Roso, tocavam saxofone e corneta. Havia rivalidade entre os grupos do Maneco Roso e do Cel. Franco, implicou também as das respectivas bandas musicais, que ficaram sendo denominadas: Banda de Baixo e Banda de Cima, a de Baixo era do Maneco e a de Cima, era de Joaquim Romão.

Trocavam-se flores, doces e caixinhas de surpresas, entre damas e foliões, particularidade essa de alta monta e que revestia os carnavais do Maneco Roso de um sucesso jamais excedidos na própria Capital de São Paulo. Com o melhor espírito de cordialidade. E com razão!  Ambos fantasiados caprichosamente e permutando um artístico bouquet de flores com a menina do seus encantos, vazando, em singela frase, proferindo as palavras: ” Quer trocar flores comigo?” ao receber fragrante o raminho uma flácida e mimosa mãozinha de donzela, tímida e recatada, ao responder: “Sim”.  Era esse idolatrado raminho o propulsor daquele brilho, opulência e alegria. Eram também permitido jogar entrudo(limão de cheiro), caso a ato se efetuasse contra a vontade dos transeuntes, o responsável estaria sujeito a multa e prisão.

 

 

Em 02.031897, ocorreu uma tragédia, quando o inquieto e boêmio carnavalesco, Lauro Franco de Andrade, de tradicional família campineira,  usando uma fantasia de Júpiter, trazendo ao ombro uma finíssima capa de veludo de carmesim, sofreu uma queda violenta do trono que se encontrava, no carro alegórico do cortejo. A queda foi fatal, sofrendo Lauro, morte cerebral, de que lhe sobreveio a caminho do hospital, em meio a um tremendo alvoroço em toda a cidade, que chorou a morte do rei do foliões.

Era assim que caracterizam os louváveis carnavais dos bons tempos!

Carn JCM - O Carnaval - Decada de 1960
Insira uma legenda

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s