Prof. Sylvio Bueno Teixeira

O mestre Sylvio Bueno Teixeira, nasceu nesta cidade, no dia 22 de Abril de 1909. Filho Sr. Amador (Dodô) Bicudo Teixeira e da Dna. Sylvia Bueno Teixeira.

Tinha como irmãos: * Roberto, casado com Angélica Teixeira; * Beatriz; * Zayra, casada com Luciano Vénere Décourt & * Erasmo, casado com Yolanda de Almeida.

Prof. Sylvio, fez seu curso preparatório no Colégio Atheneu Paulista e no Instituto Moderno de Educação e Ensino em Santa Rita de Sapucaí, em Minas Gerais.

De 1926 a 1928, estudou teoria musical e piano em Campinas, com o maestro João Amaral e violino com o maestro Luiz de Túllio.

Teve como professor de canto em Campinas, o barítono italiano Francesco Prota e canto coral, mestre Primo Sartori.

Sedento de conhecimento e cônscio de sua grande responsabilidade profissional e artística, mestre Sylvio não se limitou às letras nacionais e viajou em 1929 para a Europa à procura de aprimorar seus conhecimentos e estudos pela Itália e Espanha, fazendo seu aprendizado desde 1929 a 1933, estudando matérias correlatas, e em Nápoles, frequentou cursos de dicção e arte cênica.

De retorno ao Brasil com extraordinária bagagem e conhecimento artístico, foi que sendo barítono, realizou em Campinas e em outras cidades do estado, inúmeros concertos profissionais e beneficentes.

Cantou em várias emissoras de rádio, inclusive na rádio Bandeirantes de São Paulo, e foi um dos fundadores da extinta Sociedade ‘Amigos da Arte de Campinas’.

Em 1935, fundou a Escola de Canto e Ortofonia, funcionando em sua residência.

Em 1937, lecionou canto no estúdio Breno Rossi, em São Paulo.

De 1937 a 1938, cantou óperas sobre a batuta de vários maestros famosos.

De 1946 a 1949, lecionou no Conservatório de Jundiaí e foi professor de canto no Instituto Musical Dr. Gomes Cardin em Campinas e no Conservatório de Ribeirão Preto.

De 1949 a 1970, foi professor titular de Técnica Vocal da Universidade Católica de Campinas.

De 1953 a 1968, foi professor de canto no Instituto Adventista de Ensino em São Paulo.

De 1960 a 1961, lecionou no Rio de Janeiro para cantores do Teatro de Ópera do Automóvel Clube do Brasil.

Em 1965, ministrou aulas de canto no Santa Marcelina de São Paulo. De 1965 a 1972, no Conservatório Musical Carlos Gomes de Campinas.
Várias homenagens e condecorações lhe foram outorgadas. Além do título de ser ele o maior Ortofonista do Brasil, recebeu a medalha “José Vieira de Couto Magalhães”, oficializada pelo Governador do Estado de São Paulo e conferida pela Sociedade Geográfica Brasileira. Foi homenageado pelo Rotary de Campinas/Norte, em 19 de Setembro de 1961 e no Campinas/Leste em 02 de Junho de 1975.

Fez inúmeras palestras em entidades importantes, como no Instituto de Fisiologia da Faculdade de Medicina de Campinas e no auditório do Hospital Nossa Senhora das Graças em Curitiba.

Colaborou nos jornais Diário do Povo, Correio Popular, A Defesa, Jornal de Campinas e a comarca de Mogi Mirim. Era membro da Academia Campineira de Letras e Artes ocupando a cadeira número 30, e tinha como patrono José Pedro de Sant’Anna Gomes, irmão do Maestro Carlos Gomes.

Além da sua biografia e destas atividades profissionais, homenagens e títulos recebidos, o ápice da história do mestre Sylvio esta marcado pela valorosa riqueza dos livros que escreveu, fazendo do gabinete de trabalho, como uma câmara de treinamento com valiosas informações a cerca de toda a sua pedagogia de professor.

O livro “A Arte de Cantar” onde ele diz que é a arte das mais lindas e elevadas, ensina com maestria os princípios fisiológicos dentro do sistema vocal benéfico e coloca os resultados da sua longa experiência de ortofonista.

“A voz, a fala e a mente”, livro onde o mestre Sylvio trabalha com vozes e como educá-las, se dedicando à ortofonia estética e terapêutica, com estudos teóricos e práticos da voz e da fala.

Nesse livro mostrando a sutileza de sua sensibilidade, tem o cuidado de estudar as alterações da ordem psíquica e da mente, colocando ensinamentos indispensáveis à valorização da personalidade que irão refletir na voz e na palavra.

Em 1970, o mestre Sylvio lançou o livro “A voz e a fala do surdo congênito” – que é uma obra que merece ser constantemente divulgada, para que o maior número de educadores possa dela utilizar em benefício dos educandos e que trabalham com a linguagem humana.

Publicou “Estudos sobre a voz cantada”, “Problemas da voz e da fala”, “Dificuldades da leitura, da escrita e da fala”, entre outros, na sua intensa atividade jornalística e de consagrado autor.

Sempre devoto à ciência “ortofônica”, por ele chamada, simplesmente maravilhosa, a cultura, a educação, a ciência, a medicina e arte continuavam desenvolvidas na capacidade e devotamento, do idealismo por toda a sua vida.

O que não era muito conhecido no meio artístico era que o mestre Sylvio fazia com maior relevância e humanidade, cuidava com amor, corrigia defeitos de voz e de ouvido e recuperava calos nas cordas vocais. As pessoas que tinham câncer na laringe e após operação ficavam sem a voz. Com um curso, espécie de tratamento que o mestre administrava, era recuperada a voz. Doutor René Penna Chaves, voltou a exercer a profissão após o curso, deixando valoroso testemunho. Muitos de seus discípulos conquistaram o primeiro prêmio em concursos públicos e oficiais.

Entre seus inúmeros alunos, figura uma lista de nomes agradecidos e orgulhosos, dentre eles: Norma Vicente, soprano ligeiro; Nilze Miriam de Araújo Viana, soprano lírico;  Juvenal Santinato;  Dr. Moacir de Almeida Ramos; Arly Gomes Ribeiro, barítono; Henrique Rocha, tenor; Lineu Pastana, barítono;  Alberto Medaljon, baixo; Salvador Caruso, tenor; Jelvys Mareschi, barítono; Marcelino José do Carmo; Rodolpho Caniato; Vicente Monteiro, tenor; José Marialva, tenor;  Niza de Castro Tank, cantora lírica.

Casou-se em 16 de janeiro de 1935, com Ely Apparecida Simões (15.01.1919+02.01.1996), filha de Corina Berrance e Joaquim Simões, pais de Sylvia, Mônica e José.

Mestre Sylvio, faleceu no dia 14 de dezembro de 1991, aos 82 anos, sendo sepultado no Cemitério da Saudade.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s